Vale do Varosa no II Encontro Internacional de Abadias Cisterciences

0

“Rede de monumentos VALE DO VAROSA: Um território, um projeto” é o título da comunicação que no próximo dia 17 de novembro dá início dos trabalhos do II Encontro Internacional de Abadias Cisterciences. O Mosteiro de Alcobaça é o palco, que em 2017 se debruça sobre ”Sítios Cistercienses: Transmissão de Valores e Significados”.

Além de Portugal, marcam presença Itália, Bélgica, Espanha, França e Polónia, num encontro que pretende ser um espaço de reflexão e de troca de experiências sobre a gestão de sítios cistercienses no contexto das boas práticas da UNESCO, além de pretender dar a conhecer a riqueza e a diversidade da herança cisterciense na Europa.

Em Alcobaça, o Vale do Varosa, da responsabilidade da Direção Regional de Cultura do Norte (DRCN) e sob gestão de proximidade do Museu de Lamego, apresenta um projeto que nasceu como uma ideia, em 2009, e que em 2017 integra cinco monumentos, a funcionar em rede, entre os quais duas abadias cistercienses: o Mosteiro de São João de Tarouca, o primeiro da Ordem a ser construído em Portugal, e o Mosteiro de Santa Maria de Salzedas.

Multipremiado, o “Vale do Varosa” aposta na salvaguarda e valorização do Património Histórico da região, enquanto motor de desenvolvimento. Foi por isso objetivo primeiro a recuperação do património móvel e imóvel. Desde julho de 2016 a funcionar em pleno, a rede viu em 2014 o número de membros aumentar com a entrada da Ponte Fortificada de Ucanha e da Capela de São Pedro de Balsemão.

Desde 2012 tem vindo a ser distinguido pela Associação Portuguesa de Museologia, em áreas como Conservação e Restauro, Informação Turística ou Museografia. Consagrou-se além-fronteira com a atribuição do Prémio Internacional AR&PA de Intervención en el Patrimonio Cultural. Mais recentemente, a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte distinguiu-o como “Emblema Regional”, no âmbito dos prémios “O Norte Somos Nós”.

O II Encontro de Internacional de Abadias Cisterciences é organizado pela Direção-Geral do Património Cultural/Mosteiro de Alcobaça, em parceria com a Câmara Municipal de Alcobaça. A entrada é livre, mediante inscrição prévia em visitas@malcobaca.dgpc.pt.

Partilhe

Acerca do Autor

Deixe Resposta

*